Número total de visualizações de página

Faixa Sonora

sábado, 11 de agosto de 2012

ESSE CHEGAR...

Esse chegar de repente e abraçá-la,
esse pôr-se a lutar ele com ela,
esse cruzar suas pernas com as dela,
aquele poder mais ele e derrubá-la;
 
aquele vir abaixo, e ele sobre ela,
e ela cobrir-se e ele destapá-la,
esse pegar na lança e espetá-la,
e esse teimar dele até metê-la;

esse jogo de lombos e cadeiras,
e as palavras tão meigas e amorosas
que um ao outro murmuram, apressados;

esse voltar e andar de mil maneiras,
e fazer neste transe outras mil coisas
nas legítimas perdem os casados.

Jardim de Poesias Eróticas do Siglo de Oro
(tradução de José Bento)

1 comentário:

  1. Mario meu amigo...saudades de ti tb viu,mas ando meio sem tempo para a net as vezes entro posto algo e logo me vou pois agora estou nos tramites de negocios com a China mas em Dezembro novamente volto para casa e fico por uns meses la , nao ando fugindo de ninguem apenas sem tempo mesmo....um beijao!!!!!!!!

    ResponderEliminar